Sub-23 vencem Marítimo e seguem na liderança

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Apesar de ter um jogo a menos que a generalidade dos seus concorrentes, devido à remarcação do jogo com o Rio Ave para o primeiro dia de Novembro, o FC Vizela deu seguimento ao excelente início de temporada na Liga Revelação. A vitória sobre o Marítimo, por 2-0, ficou consumada na primeira parte com golos de Etim e Hugo Oliveira.

Na receção ao Marítimo, conjunto que vinha de duas derrotas, os vizelenses construíram uma vantagem relativamente confortável ainda antes do intervalo.

O primeiro tempo começou sob uma toada de equilíbrio. Mais expectantes e menos interventivas no ataque, o esférico andou longe das balizas durante os vinte minutos iniciais.

Momento em que se deu a primeira investida mais determinada do FC Vizela e logo com alguma polémica à mistura: Etim recebeu um passe da direita na pequena área e rematou contra o corpo de John Rovira. Inicialmente, o juiz da partida assinalou grande penalidade, porém, o seu auxiliar conduziu à retificação do lance, prevalecendo a interpretação de que a bola foi ao peito.

A partir daí, assistiu-se ao crescimento dos vizelenses no jogo, aliado à devida recompensa no resultado. Etim, numa grande bola de Ventura, podia ter aberto o ativo, assim como Prosper, num cabeceamento por cima, aos 24’ e 29’, respetivamente. Pelo meio, Nader revelou segurança ao travar o remate de Zé Camacho, na sequência de um livre dos maritimistas.

Passavam três minutos da meia hora inicial quando chegou o primeiro golo. Grande destaque para o cruzamento açucarado de Hugo Oliveira, bem correspondido pela finalização certeira de Etim.

A vantagem do FC Vizela seria ampliada justamente por Hugo Oliveira. Muito bem o lateral-direito a irromper pela área e a bater o guardião maritimista para o 2-0, aos 40’.

Antes do descanso, o Marítimo viu Nader negar a redução da diferença com mais uma excelente intervenção, ao passo que os vizelenses ficaram muito perto do terceiro por Tiago Carvalho.

O segundo tempo começou bem movimentado de parte a parte. Logo aos 47’, Prosper teve nos pés nova oportunidade para marcar, mas seria o Marítimo a apresentar-se mais ameaçador no que concerne a situações claras de golo. Pablo Bechardas atirou para defesa atenta de Nader, Pedro Silva acertou com o esférico na barra e Francisco Gomes quase chegou para o toque final em mais uma aproximação perigosa dos insulares.

Se é verdade que o Marítimo podia ter encurtado a diferença, não é menos verdade que o FC Vizela tenha ficado próximo de dar tons de goleada ao resultado.

Leyner, após boa combinação, rematou tenso à entrada da área e a bola saiu muito perto do alvo, e Etim, aos 88’, praticamente sem ângulo, acertou no poste.

Vitória certa do FC Vizela que prossegue líder na Zona Norte da Liga Revelação, agora com 10 pontos somados, fruto de três triunfos e um empate nos quatro jogos realizados.

FICHA TÉCNICA

FC Vizela 2-0 CS Marítimo

Local: Estádio do Clube Desportivo das Aves (Vila das Aves)

Árbitro: Dylan Fernandes (AF Viseu)

Assistentes: Rafael Formoso e Rui Crisóstomo

FC Vizela: Nader; Hugo Oliveira, Tiago Carvalho (C), Luiz Neto e Gonçalo Cunha; Marrugo (Sequeira, 85’) e Candé (Jota, 63’); Ventura (Hassan, 73’), Opeyemi (Maga, 73’) e Prosper (Leyner, 63’); Etim.

Suplentes não utilizados: Martim Sousa, João Diogo, Afonso, Reis, Infante, Rúben Alves e Luca.

Treinador: Manuel Cruz (Tulipa)

CS Marítimo: Kimiss Zavala; Hugo Meireles, John Rovira, Duarte Henriques e Nassur Bacem (Daniel Benchimol, 55’); Zé Camacho (Ricardo Leal, 65’), Francisco França (Pedro Banga, 65’) e João Araújo (C) (Francisco Gomes, 45’); Pablo Bechardas, Rúben Marques e Pedro Silva (Emanuel Baitler, 77’).

Suplentes não utilizados: Francisco Nunes, Ricardo Leal e Ferdinando Soares.

Treinador: Marco Bragança

Golos: 1-0 Etim (33’) e 2-0 Hugo Oliveira (40’).

Cartões Amarelos: Luiz Neto (16’), Duarte Henriques (22’), Gonçalo Cunha (37’) e Maga (82’).