Documentário vale Prémio da Liga Portugal

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Distinção de Marketing e Comunicação relativa ao mês de abril foi para o FC Vizela pelo produto “Até ao Fim”, filme que relatou a história recente do clube com foco nas duas últimas subidas de escalão.

Tal como o nome do filme, o documentário “Até ao Fim” continua a ser bem sucedido. Desta feita, depois do sucesso do lançamento, a Liga Portugal e Marketeer atribuíram ao FC Vizela o Prémio de Comunicação e Marketing relativo ao mês de abril, precisamente o mês em que o filme estreou nos Cinemas de Vizela, numa cerimónia que juntou jogadores, ex-jogadores, toda a estrutura de SAD e clube, Câmara Municipal de Vizela, Liga Portugal, FPF, AF Braga e alguns parceiros comerciais, além dos mais de 20 entrevistados.

O filme resume os últimos anos da história do Vizela, com foco especial nas duas subidas de divisão consecutivas e liga a força do clube à luta que a cidade travou anos antes enquanto se afirmava e conseguia tornar-se concelho. “Vizela é assim e luta até ao fim”, diz-se desde então.

“A ideia essencial era preservar a história e dotá-la de um documento que possa perdurar no tempo, bem como reconhecer o mérito de quem esteve nos últimos anos do Vizela e conseguiu alavancar o clube. Não diria que estes feitos são indescritíveis, porque tenho a esperança de que o comentário tenha conseguido descrever esses feitos. Acredito que este prémio certifica que o produto final “Até ao fim” é bom, a divulgação do mesmo e a forma como foi apresentado também. Espero que possa ainda servir de incentivo para que quem chegue possa ajudar e procurar feitos ainda maiores. Como disse o mister Álvaro Pacheco, que haja uma segunda parte que descreva feitos ainda maiores”, explicou André Morais, Diretor de Comunicação do FC Vizela, um dos mentores e produtores desta ideia. “A história está a ser escrita e já foram escritos capítulos muito bonitos, mas todos aqui no clube gostávamos de escrever outros capítulos, ainda mais bonitos”, acrescentou.

“A ideia surge de um desafio lançado pelo Vizela, um desafio ambicioso, tendo em conta que eu nunca tinha feito um filme sobre futebol. Por isso, logo por aí, seria muito mais complicado. O objetivo era contar a história de sucesso de duas épocas de subidas consecutivas. A história foi-se escrevendo também um bocadinho ao longo do filme, com a descoberta do arquivo que o FC Vizela tinha, agora com memória no filme e que vai ficar para a próximas gerações verem um bocadinho sobre este passado recente de sucesso, que é tão importante para o clube. Foi-se escrevendo. Houve uma característica que para mim saltou à vista e a preocupação em ilustrar: a ligação à cidade e à história que a cidade tem, da luta pela independência. O filme retrata um bocadinho isso mesmo: a história de um povo lutador e de um clube que nunca desistiu, da ambição de chegar à Liga Portugal bwin e que agora se manteve nela e continuará a escrever novos capítulos Se o Vizela continuar a surpreender, que tenhamos direito a uma segunda temporada”, completou Ana Oliveira, a documentarista e responsável pelo argumento.

Na cerimónia esteve ainda presente o vídeomaker Jorge Ribeiro, responsável por todo o processo de edição vídeo, captação de imagens, fotografia e edição, bem como José Marinho, gestor de operações, que liderou o processo de apresentação do Documentário e articulou a cerimónia protocolar que tão bem funcionou.

Sabe mais: https://www.ligaportugal.pt/pt/epocas/20212022/noticias/geral/premios-mensais/abril/fc-vizela-distinguido-com-documentario-ate-ao-fim-a-historia-de-um-povo-lutador-e-de-um-clube-que-nunca-desistiu?bck=L3B0L2hvbWVwYWdlLw