Triunfo dos Juniores foge ao cair do pano

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Terminou com um grande balde de água fria a receção dos Sub-19 do FC Vizela à UD Oliveirense, no passado sábado, dia 23 de Fevereiro, em jogo referente à 2.ª jornada da Fase de Promoção do Campeonato Nacional de Juniores (2.ª Divisão).

Numa partida em que deixaram clara a sua superioridade, um momento de desconcentração num lance que não deveria ter existido (canto erradamente assinalado), no sexto e último minuto de compensação, inviabilizou aquela que seria a primeira vitória da turma de Vasco Gonçalves.

Para trás tinha ficado uma igualdade na Madeira, no terreno do Nacional, e, então, os azuis e brancos encaravam este jogo em casa como uma boa oportunidade para somar os 3 pontos.

A equipa entrou determinada e, logo aos 3’, David esteve perto de inaugurar o marcador, mas o cabeceamento saiu ao lado. Mais perto ainda, Malik, aos 39’, após um bom trabalho dentro da grande área, rematou forte à barra.

E, se o FC Vizela podia ter ido para as cabines já em vantagem, no início da segunda parte a diferença entre as prestações dos dois conjuntos intensificou-se.

Da esquerda do ataque vizelense surgiram dois ataques perigosos em escassos minutos: primeiro, Zé Luís, aos 55’, atirou para defesa atenta de Diogo Almeida; aos 56’, Miguel fez tudo bem junto à linha antes de endossar a bola para dentro da área, onde Malik, à segunda tentativa, fez o 1-0.

Na procura da igualdade, a UD Oliveirense não se conseguiu aproximar muitas vezes da baliza à guarda de Fábio, mas, quando o fez, obrigou o guardião a uma grande intervenção, negando o golo num cabeceamento de Sacramento (76’).

Apesar de tudo, o FC Vizela continuava a ser a formação mais perigosa e viria a ter mais duas chances para adiantar o score.

A primeira, aos 78’, nos pés de Malik, depois de um passe de Miguel, que acabou por passar centímetros ao lado do poste e, em cima dos noventa, através de um “chapéu” de Luís Filipe, negado em cima da linha pelo corte decisivo de Fostino.

Como que cumprindo a máxima “quem não marca, sofre”, o destino foi cruel para a formação de Vasco Gonçalves, já que, no último minuto de compensação, houve golo para o adversário. Duarte Soares apareceu na pequena área para fazer a recarga vitoriosa a um cabeceamento à barra.

Um golo com génese num lance erradamente assinalado, a juntar-se a outras duas situações bastante polémicas neste segundo tempo, com João Machado e Pedro Mendes a sofrerem duas cargas em plena área, aos 68′ e 85′, respectivamente, não ajuizadas pelo árbitro João Teixeira.

Desta forma, ao cabo da 2.ª jornada da Fase de Promoção (Zona Norte), o FC Vizela soma dois pontos e ocupa o 3.º e último lugar de acesso à subida.

À sua frente estão o Nogueirense, com um total de 6 pontos, após somar nova vitória na visita ao terreno do União da Madeira, e o Famalicão, com três, que derrotou o Nacional em casa.

Na próxima jornada, o FC Vizela desloca-se a Nogueira da Maia para defrontar o líder do agrupamento. O jogo está agendado para sábado, dia 2 de Março, às 15:00 horas.

 

FICHA DE JOGO

FC Vizela 1-1 UD Oliveirense

Local: Campo de Treinos do Estádio do FC Vizela (Vizela)

Árbitro: João Teixeira (AF Porto)

Assistentes: José Ferreira e Nuno Sá

FC Vizela: Fábio; Pedro Mendes, Faria, David e Zé Luís; Harruna, Miguel (C) e Pedras (Rui Ferreira, 90’); Henrique (Correia, 73’), Malik e João Machado (Luís Filipe, 87’).

Suplentes não utilizados: Simão, Zé Pedro, Diogo Ribeiro e Dauntae.

Treinador: Vasco Gonçalves

Golo: Malik (56’).

 

RESULTADOS (2.ª Jornada)

FC Vizela 1-1 UD Oliveirense

Famalicão 1-0 Nacional da Madeira

União da Madeira 0-2 Nogueirense

 

PRÓXIMA JORNADA (02 de Março)

Nogueirense x FC Vizela

Famalicão x União da Madeira

Nacional da Madeira x UD Oliveirense

 

CLASSIFICAÇÃO

1º Nogueirense (6 pontos)

2º Famalicão (3 pontos)

3º FC Vizela (2 pontos)

4º UD Oliveirense (1 ponto) *

5º Nacional da Madeira (1 ponto)

6º União da Madeira (0 pontos) *

* Menos um jogo.