FC Vizela termina primeira fase com 22ª vitória

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A vencer. Foi assim que o FC Vizela iniciou esta primeira fase, curiosamente com uma vitória por 2-0, em Bragança, e foi da mesma forma que terminou esta viagem de 30 jornadas.

Em Arcos de Valdevez, os muitos adeptos vizelenses que marcaram presença no Municipal da Coutada, em ambiente de festa, foram presenteados com um bom desempenho da sua equipa.

Apesar de ambos os conjuntos terem a sua situação definida há algum tempo, FC Vizela e Atlético dos Arcos foram sempre competitivos e o espetáculo desportivo ganhou com isso.

A primeira ameaça pertenceu à turma arcuense. Estavam cumpridos 10’ de jogo quando Hugo Reis procurou surpreender Rafa com um cruzamento-remate.

Respondeu a formação de Carlos Cunha aos 12’. Zé Valente cruzou para o flanco contrário e Panin, descaído sobre a esquerda, rematou em jeito com a bola a sair ligeiramente por cima.

A partir daí, o FC Vizela exerceu maior ascendente e inaugurou o marcador aos 21’. Zé Valente sofreu a falta e encarregou-se de cobrar o livre resultante, deixando Cesteiro sem reação.

O Atlético dos Arcos não esmoreceu com o golo sofrido e, também de bola parada, num livre em posição frontal, viu Bonera atirar rente ao poste.

Nos últimos dez minutos da primeira parte, o FC Vizela criou perigo por mais duas ocasiões. Aos 35’, Aziz investiu sobre o lado direito, ganhou a frente ao marcador direto, mas o remate não saiu nas condições desejadas.

Mais tarde, aos 43’, Nera tocou para Aziz e este endossou o esférico para um disparo de Márcio Ferrari a rasar a barra. Foi uma das melhores jogadas do desafio, merecedora de golo.

Ao intervalo, a vantagem dos vizelenses ajustava-se perfeitamente, mas os instantes iniciais do segundo tempo trouxeram um Atlético dos Arcos crente noutro resultado.

Rafa segurou bem o forte remate de Zé Nando (48’) e Diogo Lamelas revelou-se providencial ao tirar o “pão da boca” a Hugo Reis, numa resposta rápida dos da casa (52’).

Logo a seguir, nova preocupação para Carlos Cunha, depois da lesão de Carlos Fortes, na ronda anterior. Desta vez, foi Nera, que teve de ser substituído por Cann, numa fase prematura da segunda parte, com fortes queixas no joelho esquerdo.

Entretanto, depois do inconformado Hugo Reis ter cabeceado por cima (64’), Zé Nando evitou que o bom cruzamento de Zé Valente pudesse chegar nas devidas condições a Aidara (69’).

Nesta fase, já com Joni em campo, o FC Vizela procurava chegar ao segundo golo. Diogo Lamelas recuperou uma bola, entregou-a para Aziz, este fez o cruzamento, no entanto, nem Zé Valente, nem Márcio Ferrari, conseguiram intercetar o esférico à boca da baliza.

Claramente apostadas em beneficiar o espetáculo, ambas as equipas nunca deixaram de atacar as balizas. Num minuto apenas (75’), Hugo Reis ameaçou Rafa com um remate perigoso e, do outro lado, Dani cabeceou ao lado, na sequência de um canto.

Até que, aos 85’, uma excelente combinação entre Diogo Lamelas, Panin e Joni conduziu o FC Vizela ao 2-0. Aziz apareceu ao segundo poste para carimbar a assistência de Panin, mas Nélson Ventura involuntariamente fez autogolo.

Antes do derradeiro apito, Zé Valente e Aziz tiveram nos pés outras duas boas hipóteses para elevar a contagem e até deu para estrear o jovem chinês Zhen Xie.

O FC Vizela alcançou a sua 22.ª vitória no Campeonato de Portugal, terminando a primeira fase da competição com 73 pontos, mais 9 que o também apurado Vilaverdense.

Esta segunda-feira, dia 23 de Abril, pelas 16:30 horas, vai ficar a saber-se quem será o próximo adversário dos vizelenses no Play-Off de Promoção à 2.ª Liga.

 

FICHA DE JOGO

Local: Estádio Municipal da Coutada (Arcos de Valdevez)

Árbitro: João Pinho (AF Aveiro)

Assistentes: Carlos Andrade e Alcino Soeira

ATLÉTICO DOS ARCOS: Cesteiro; Ângelo Rego, Nélson Ventura, Nélson Amorim e Luís Vaz; Zé Nando, Licas (Flávio Dantas, 76’) e Bonera (C) (André Martins, 66’); Hugo Reis (Rui Pereira, 87’), Campos e Ivan Machado.

Suplentes não utilizados: Koke, Guilherme, Paulo Jorge e Jake Barros.

Treinador: Fernando Rego

FC VIZELA: Rafa; Diogo Lamelas, Miguel Oliveira, Aidara e Nera (Cann, 53’); Dani (C), Márcio Ferrari e André Pinto (Joni, 70’); Zé Valente, Aziz e Panin (Zhen Xie, 87’).

Suplentes não utilizados: Pedro Albergaria, Felipe Augusto, João Paredes e João Oliveira.

Treinador: Carlos Cunha

Golos: Zé Valente (21’) e Nélson Ventura (85’, p. b.).

Cartões Amarelos: Miguel Oliveira (58’), Aziz (61’) e Aidara (62’).