Juniores sofreram dissabor em Viana do Castelo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Os Juniores do FC Vizela deslocaram-se ao terreno do Vianense, no passado sábado, dia 14 de Abril, e perderam por 2-1. Uma partida na qual até estiveram a vencer, permitindo, contudo, a reviravolta em cima do derradeiro apito com alguma infelicidade à mistura.

Todavia, antes disso, as duas equipas, sobretudo o FC Vizela, destacaram-se por desperdiçar ocasiões de golo, promovidas por um jogo aberto recheado de vocação ofensiva.

O Vianense foi o primeiro a ameaçar (12’), num lance algo confuso na área em que Hugo Silva, numa intervenção instintiva, negou o golo a Lucas.

Logo no minuto seguinte, o FC Vizela respondeu. Kingsley criou um desequilíbrio pela esquerda e Miguel, por pouco, não conseguiu marcar, com a baliza à sua mercê.

Depois destes minutos iniciais, os comandados de Vasco Gonçalves ajustaram-se um pouco às reduzidas dimensões do terreno de jogo e, através de boas combinações, ensaiaram lances muito interessantes.

Aos 21’, Miguel atirou por cima e confirmou que não estava nos seus dias (sairia lesionado minutos depois) e Kingsley, isolado, também não conseguiu acertar no alvo, estavam cumpridos 26’.

E, quando não era falta de eficácia dos atacantes, era a inspiração do guarda-redes João Amorim que parava os intentos vizelenses. Exemplo disso, aos 25’, João Amorim fez a defesa da tarde em resposta a um remate em arco protagonizado por Yaro Zakari.

Com o nulo a subsistir no interregno, o FC Vizela, e Yaro Zakari em particular, voltaram com a mesma vontade de alcançar a vantagem.

Depois de mais uma tentativa (53’), na qual o remate saiu por cima, o extremo nigeriano aproveitou uma bola em profundidade endossada por Sani e inaugurou mesmo o marcador, aos 61’.

Contudo, do outro lado, Angel, também ele um extremo irreverente, quis fazer estragos, pelo que, aos 65’, um remate cruzado só parou no fundo das redes, um golo que fez o Vianense acreditar.

O FC Vizela acusou um pouco o golo sofrido. Apesar do caudal ofensivo, as situações de perigo passaram a escassear, já que a defesa contrária foi dando conta das “encomendas”.

Por seu turno, a equipa da casa mostrava-se cada vez mais crente nos 3 pontos, daí que, em cima do minuto 90, tenha sido bafejada pela sorte. Num momento de infelicidade, o azarado Sheng Liu desviou para a própria baliza um livre lateral aparentemente inofensivo.

Apesar de manter a liderança da Série A da Fase de Manutenção ou Descida do Campeonato Nacional de Juniores (2.ª Divisão), esta derrota, conjugada com o triunfo do Famalicão em Macedo de Cavaleiros, estreitou a diferença entre ambos para 2 pontos, sendo que a turma famalicense tem um jogo em atraso para disputar.

A próxima jornada terá lugar no sábado, dia 21, com a formação comandada por Vasco Gonçalves a receber os Caçadores da Taipas.

FICHA DE JOGO

Local: Campo nº 2 do Estádio Dr. José de Matos (Viana do Castelo)

Árbitro: Tiago Sá (AF Porto)

FC VIZELA: Hugo Silva (C); João Pinheiro, David Martins, Sheng Liu e Pedro Lopes; Sani, Miguel (Edu, 29’) e Marcelo; Yaro Zakari, Kingsley (Dauntae, 70’) e Mota (Luís Oliveira, 84’).

Suplentes não utilizados: Simão, Correia, Malta e Godfrey.

Treinador: Vasco Gonçalves

Golo: Yaro Zakari (61’).

Cartões Amarelos: Pedro Lopes (82’) e Marcelo (87’).

RESULTADOS DA JORNADA 9

Macedo de Cavaleiros 0-3 Famalicão

Vianense 2-1 FC Vizela

Taipas 0-0 Fafe

Mondinense 0-1 Varzim

QUADRO DA JORNADA 10

Macedo de Cavaleiros x Mondinense

Famalicão x Vianense

FC Vizela x Taipas

Fafe x Varzim

CLASSIFICAÇÃO

1º FC Vizela (34 pontos)

2º Famalicão (32 pontos) *

3º Varzim (28 pontos)

4º Fafe (28 pontos)

5º Taipas (26 pontos)

6º Mondinense (23 pontos) *

7º Vianense (18 pontos)

8º Macedo de Cavaleiros (1 ponto)

* Menos um jogo