Sem parar até aos 100

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Álvaro Pacheco homenageado por ter atingido marca histórica ao serviço do FC Vizela. Ganhou mais de metade dos jogos disputados.

Gonçalo Moreira, vice-presidente da SAD, ofereceu antes do FC Vizela-FC Arouca a Álvaro Pacheco uma camisola alusiva à marca de 100 jogos no clube atingida pelo treinador na jornada anterior da I Liga. O momento mereceu aplausos da bancada e emocionou até o treinador. “Não estava à espera. Também é por isso que este clube é especial e diferente. Não estava à espera, mas não fico surpreendido pelos valores deles”, comentou o técnico, a propósito. Agora já com 101 jogos, concluiu-se que Álvaro Pacheco venceu mais de metade deles, o que por si só ilustra os momentos extraordinários vividos em duas subidas de divisão consecutivas.

Na história do FC Vizela, apenas Carlos Garcia conta mais encontros disputados: 118, ao todo. Mas o técnico que comandou a equipa entre 2004 e 2006 não foi tão bem sucedido: “apenas” 44,9% de triunfos, contra 50,5% de Pacheco, que chegou em 2019 e é o segundo treinador mais longevo na I Liga, apenas atrás de Sérgio Conceição (FC Porto).

Em 2019/20, primeira época ao serviço do FC Vizela, Álvaro somou 29 desafios, tendo vencido 22 deles. A pandemia de covid-19 interrompeu os campeonatos, mas foi o brilhantismo dos primeiros 29 desafios que permitiu ai Vizela subir à II Liga. Na mágica temporada 2020/21, mais 39 jogos, com 21 triunfos e uma série de 26 jogos consecutivos sem perder. Agora, em 2021/22, num contexto muito mais exigente, 36 encontros já contabilizados e 10 vitórias registadas. Vamos então a contas:

CompetiçãoJogosVEDGMGS
I Liga31711133349
II Liga34181245935
Campeonato de Portugal2519336420
Taça de Portugal10703218
Taça da Liga100112
Total101512624178114