Penálti dita derrota injusta

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O FC Vizela entrou muito forte, mas o Gil Vicente marcou na primeira vez que se aventurou no ataque. Depois foi procurar o empate até ao fim, mas o dia era de Andrew.

O FC Vizela viu interrompido o ciclo de jogos sem perder num daqueles em que fez mais para ganhar. A entrada em jogo foi fortíssima, fruto essencialmente de uma pressão asfixiante que garantiu mais bola, mais espaços e mais oportunidades. Até ao minuto 25 só deu FC Vizela e o golo do Gil Vicente aparece depois em contraciclo. Numa das primeiras vezes em que o adversário se aventurou no ataque, uma boa combinação terminou em penálti. Fran Navarro, um dos goleadores desta Liga, fez o 0-1. A resposta foi imediata e Aidara, na sequência de um pontapé de canto, dá o primeiro sinal. Depois foi Cassiano a dobrar: primeiro lançado por Schettine, depois após bola parada. O dia não era de acerto.

A segunda parte não foi muito diferente da primeira, apesar de o recomeço não ter sido tão asfixiante. Ainda assim, aos 60′, bom cruzamento de Richard Ofori e Schettine, de primeira e à meia volta, só não marcou porque a bola bateu no defesa contrário. Carregava o FC Vizela, por Kiko Bondoso, Rashid e outros, numa fase em que a equipa já pensava mais com o coração. O Gil Vicente aproveitou os espaços concedidos atrás para se chegar finalmente à baliza de Pedro Silva, que evitou o 0-2 antes do fôlego final. Nos descontos, duas vezes Kiki e uma Zohi confirmaram que o dia era de clara ineficácia. Perdeu a melhor equipa em campo.

FICHA TÉCNICA

FC Vizela 0-1 Gil Vicente FC

Local: Estádio do Futebol Clube de Vizela (2.020 espectadores)

Árbitro: Nuno Almeida (AF Algarve)

Assistentes: André Campos / Pedro Mota

4º Árbitro: José Bessa (AF Porto)

Vídeo-árbitro (VAR) / AVAR: David Silva / Rui Licínio

FC Vizela (4x3x3): Pedro Silva; Koffi (Sarmiento, 72’), Anderson, Aidara (Kiki, 85’) e Richard Ofori; Claudemir, Alex Méndez (Rashid, 61’) e Samu (C); Cassiano (Nuno Moreira, 61’), Schettine (Zohi, 85’) e Kiko Bondoso.

Suplentes não utilizados: Charles, Bruno Wilson, Marcos Paulo e Friday Etim.

Treinador: Álvaro Pacheco

Gil Vicente FC (4x3x3): Andrew; Zé Carlos (Hackman, 90’+3’), Lucas Cunha, Rúben Fernandes (C) e Henrique Gomes; Vítor Carvalho, Pedrinho e Fujimoto (Matheus Bueno, 82’); Leautey (Bilel, 82’), Fran Navarro (Elder Santana, 89’) e Samuel Lino.

Suplentes não utilizados: Brian Araújo, Diogo Silva, Aburjania, Boubacar Hanne e Juan Calero.

Treinador: Ricardo Soares

Golo: Fran Navarro (26’, g. p.).

Cartões Amarelos: Cassiano (20’), Fran Navarro (32’), Rashid (71’), Samuel Lino (78’), Bilel (90’), Richard Ofori (90’+4’) e Elder Santana (90’+5’).

Cartões Vermelhos: Nada a assinalar.

“O empate já seria injusto, imaginem a derrota. Perdemos no pormenor, perdeu a melhor equipa”

Álvaro Pacheco (treinador do FC Vizela)

“Entrámos muito bem, tivemos lances de golo, mas sofremos no primeiro lance do Gil Vicente. Merecíamos mais”

Claudemir (jogador do FC Vizela)