Etim dá a vitória aos Sub-23

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

FC Vizela derrota Académica, em Coimbra, por 1-0 e sobe ao terceiro lugar da segunda fase da Liga Revelação com um jogo a menos.

O FC Vizela venceu a Académica na quarta jornada da segunda fase da Liga Revelação. Friday Etim fez, aos 59 minutos, o tento solitário da partida, em Coimbra, que fez a nossa equipa subir à terceira posição deste campeonato, apesar de ter um jogo a menos.

Apesar de termos controlado praticamente todo o jogo, as melhores ocasiões de golo da primeira parte são da Académica. Na segunda parte, porém, só deu Vizela e sucederam-se os lances para marcar. Foi numa jogada de insistência que o avançado nigeriano Etim concretizou, na sequência de uma jogada de insistência. Depois tentámos ampliar para nos colocarmos a salvo de qualquer surpresa, mas continuamos inefocazes.

Finda a jornada, o FC Famalicão lidera com 13 pontos, Vitória SC e FC Vizela têm 12 pontos. Na próxima jornada, sábado às 11 horas, a equipa vizelense recebe o SC Farense.

FICHA TÉCNICA

Académica Coimbra 0-1 FC Vizela

Local: 
Estádio Municipal Sérgio Conceição

Árbitro: 
Flávio Jesus

Assistentes: 
Miguel Martins / Renato Monteiro

Académica Coimbra:
Bernardo Santos, Matheus Palmerio, Gonçalo Almeida (Ricardo Ferreira, 76’), Rosete (Gabriel Silva, 64’), João Simões (Warilson Vasques, 76’), Gabriel Carneiro (Rui Reis, 58’), Carlos Silva, Vasco Gomes, Pablo Veloso, Frederico Gonçalves (Hugo Costa, 58’), Luca Cifarelli.


Suplentes não utilizados: 
Pedro Santos, João Silva e Rafael Roque.

Treinador: 
Luís Carvalho

FC Vizela: Mosca; Hugo Oliveira, David Martins, Maviram, João Ricardo (C), Abdul Mohammed, Rúben Amaral, Friday Etim (Pedro Marques, 90+3′), Tiago Ventura (Jota Rego, 72′), Calvin Tshilumba (Hassan, 72′), Seco Sani (Sérgio Meireles, 86′).

Suplentes não utilizados: Emma Adeyemo, Diogo Magalhães, Leandro Maio e Kinglord Safo.

Treinador: Nuno Braga

Golos: 
Friday Etim (58’)

Cartões Amarelos: 
Matheus Palmerio (25’), Seco Sani (83’), Rúben Amaral (84’), Rui Reis (89’)

Cartões Vermelhos: 
Nada a assinalar