Álvaro Pacheco: “Quem tiver maior controlo emocional, estará mais próximo de vencer”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Álvaro Pacheco já lançou o jogo com o Vitória SC, um clube vizinho e um desafio sempre apetecível para ambos os adeptos. No entanto, nada muda na ambição até porque “vale os mesmos três pontos”. O nosso treinador comentou novamente os dois anos que leva sobre o clube e reconheceu que o triunfo sobre o Tondela motivou ainda mais a equipa.

DOIS ANOS EM VIZELA: “Vão ficar na memória. Foi um percurso fantástico, uma caminhada indescritível. Ficará gravado na nossa memória e na dos vizelenses.”

JOGO COM O VITÓRIA SC: “É um jogo entre dois clubes vizinhos, mas não deixa de valer os mesmos três pontos. O nosso foco é sempre o mesmo: entrar no jogo para conquistar os três pontos. Essa é a nossa missão. Vai ser um bom jogo, com duas equipas a crescer. Pelo que ambas têm demonstrado neste início de campeonato, será um excelente jogo. Eu estou há dois anos aqui, o Pepa está a chegar ao Vitória SC e a tentar implementar as suas ideias. Dificuldades ofensivas? Não olho para isso. Sei que são duas equipas que olham para o jogo para proporcionar bons espetáculos e sempre com foco na baliza contrária, ambas com um caudal ofensivo muito grande.”

VITÓRIA SOBRE O CD TONDELA: “Trabalhar sobre vitórias é sempre importante para o crescimento de uma equipa. Não sou eu que o digo, todos dizem isso. Neste caso, principalmente da forma como foi. A nossa equipa foi ambiciosa, acreditou sempre e a sua audácia foi premiada. A equipa ficou muito mais motivada, mas o mais importante para mim foi o que me mostrou durante esta semana, uma enorme vontade de ir em busca de mais conquistas.”

EMOÇÕES: “A equipa que tiver maior controlo emocional e for capaz de controlar os momentos do jogo, vai estar mais próxima de o ganhar. Peço, nos treinos, para que os jogadores saiam da sua zona de conforto, mas também que percebam o jogo e a responsabilidade que têm dentro do jogo. Tento, com conversas, vídeos, etc., ajudá-los nesse sentido e também a que eles saibam reagir às emoções.”

PLANTEL: “O plantel está quase todo à disposição, mas o mais importante é que todos estão comprometidos em querer ser melhores no futuro. O Ivanildo já chegou e, se for inscrito, irá connosco a Guimarães.”