Claudemir: “O projeto do FC Vizela motivou-me”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Prestes a chegar aos 500 jogos na carreira, algo que deseja muito, Claudemir conta quem o incentivou a mudar-se para Vizela, para um projeto que lhe agrada bastante e abraçou com muitas expectativas. Para já está a adorar o clube e a cidade, ele que já conhecia a região, pois jogou no SC Braga.

PROJETO E MOTIVAÇÃO: “O projeto do Vizela motivou-me. Antes de vir falei com algumas pessoas, com o próprio treinador pelo telefone, mas também com os adjuntos de Abel Ferreira, que me passaram boas informações sobre o FC Vizela. Isso deu-me uma grande motivação, gosto de desafios. Espero que possamos fazer uma grande temporada.”

PROMESSA AOS ADEPTOS: “Posso prometer dedicação nos jogos e treinos, vou dar o meu melhor no dia-a-dia. Ainda não estou a 100%. Após férias, isso depende muito do tempo, mas já me sinto bem melhor e darei o máximo se tiver oportunidade de jogar. Prometo dedicação, vou procurar ajudar os mais novos com a minha experiência e dedicar-me todos os dias para melhorar sempre.”

DESAFIOS E VALOR DA EXPERIÊNCIA: “Gosto de desafios. Estou em busca de passar os 500 jogos na carreira. O que eu posso passar é tranquilidade, quero estar em forma, bem fisicamente, a equipa técnica está aqui para ajudar. Se trabalharmos firme e ouvirmos quem está fora, vai ajudar muito. Tive bons treinadores na minha carreira, em Portugal tive o Abel, que me ajudou muito, é um amigo com o qual tenho contacto. Foi uma experiencia muito boa. Também trabalhei com Sá Pinto, mas menos tempo. Tudo o que precisarem de mim podem contar, quer dentro, quer fora do campo.”

VIDA EM VIZELA E REGRESSO AO MINHO: “Estou a gostar muito, muito, de viver aqui. Também já morei em Braga. Gosto muito desta região. Estou ansioso por jogar novamente a Liga portuguesa.”