Sub-19 sofreram derrota ao fim de 9 jogos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A partida até começou da melhor forma para os vizelenses, mas a expulsão de Fábio Costa, em cima do intervalo, viria a ser determinante para a reviravolta dos forasteiros, que conseguiram, assim, qualificar-se para a Fase de Promoção à 1.ª Divisão Nacional.

Mesmo sem hipóteses de apuramento, o FC Vizela entrou determinado em conquistar os 3 pontos nesta 18.ª e derradeira jornada da primeira fase, mostrando, desde o início, objetividade na procura do golo. A circulação de bola era rápida e não dava descanso à defensiva do Merelinense.

Miguel esteve próximo de marcar, aos 3’, quando, em esforço, quase aproveitou um mau alívio de um jogador forasteiro.

Aos 12’, o FC Vizela adiantou-se mesmo no marcador, por intermédio de Marcelo, que se antecipou ao primeiro poste, após um canto apontado por Mota.

Os lances de ataque dos vizelenses foram sucedendo-se e, embora nem sempre tenha existido o melhor discernimento no último passe, o Merelinense passava, entretanto, por dificuldades.

Contudo, aos 41’, uma grande penalidade assinalada favorável à turma forasteira viria a mudar substancialmente a partida.

Não propriamente pelo castigo máximo em si, até porque o guardião Hugo Silva susteve o remate de Tiago Fernandes, mas antes pela expulsão de Fábio Costa, por acumulação de amarelos.

Os restantes minutos da primeira parte foram de adaptação a uma nova circunstância e a segunda parte trouxe um FC Vizela mais recuado no terreno.

Sem conseguir criar perigo em jogo corrido, o Merelinense logrou a reviravolta através de dois lances de bola parada: primeiramente, aos 51’, num livre direto superiormente cobrado por Tiago Fernandes, e, sete minutos depois, através de um cabeceamento imparável de Rui Soares, na sequência de um livre lateral.

Jogando mais com o “coração do que com a cabeça”, o FC Vizela sentiu maiores dificuldades em travar a intensidade imposta pelo Merelinense, que queria selar o apuramento rapidamente.

Até que, aos 69’, Tiago Fernandes fugiu à marcação para bisar na partida com um remate cruzado, fazendo desta forma o 3-1.

Os azuis e brancos ainda conseguiram reduzir a diferença através de Godfrey, aos 88’, pouco depois de Sani ter enviado uma bola ao poste num grande remate de fora da área.

Finalizada a primeira fase na 5.ª posição da Série A, o FC Vizela prepara-se para disputar a Fase de Manutenção ou Descida juntamente com Famalicão, Fafe, Taipas, Mondinense, Varzim, Vianense e Macedo de Cavaleiros.

 

FICHA DE JOGO

Local: Campo de Treinos do Estádio do FC Vizela (Vizela)

Árbitro: Catarina Eusébio (AF Porto)

FC VIZELA: Hugo Silva; João Pinheiro, Dani (C), David Martins e Fábio Costa; Sani, Miguel (Godfrey, 76’) e Marcelo; Luís Oliveira (Malta, 88’), Kingsley (Gonçalo, 45’) e Mota.

Suplentes não utilizados: Manuel Marques, Edu, Kiko e Rui Jorge.

Treinador: Vasco Gonçalves

Golos: Marcelo (12’) e Godfrey (88’).

Cartões Amarelos: Fábio Costa (28’ e 40’), Miguel (53’) e Gonçalo (71’).

Cartão Vermelho: Fábio Costa (40’).

 

RESULTADOS DA JORNADA 18

Vianense 1-2 Famalicão

Varzim 1-0 Freamunde

Fafe 2-2 Macedo de Cavaleiros

Taipas 2-1 Mondinense

FC Vizela 2-3 Merelinense

 

CLASSIFICAÇÃO

1º Freamunde (39 pontos)

2º Merelinense (38 pontos)

3º Famalicão (34 pontos)

4º Fafe (34 pontos)

5º FC Vizela (30 pontos)

6º Taipas (28 pontos)

7º Mondinense (20 pontos)

8º Varzim (18 pontos)

9º Vianense (16 pontos)

10º Macedo de Cavaleiros (1 ponto)