Demolidores no regresso aos triunfos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Vizela goleou (5-0) a Académica na Liga Revelação. O início foi fortíssimo e a equipa nunca tirou o pé do acelerador. João Ricardo, Ventura e Hassan faturaram.

Um início arrasador mostrou que os Sub-23 estavam na disposição firme de terminar de uma vez com a série de três jogos seguidos sem perder. Esse era o primeiro objetivo do dia, mas o FC Vizela não fez a coisa por menos e manteve a intensidade alta de início ao fim, carimbando um resultado gordo (5-0), o mais expressivo da temporada. A verdade é que os primeiros minutos já denunciavam o que se seguiria. João Ricardo, aos 7′, servido por Ventura, entrou pela esquerda e, de ângulo apertado, fez o primeiro. Depois, aos 14′, a generosidade foi retribuída. João Ricardo aparece no primeiro momento da jogada antes de Ventura se isolar e escolher o local para onde rematar. Pelo meio já Hassan havia desperdiçado dois lances claros de golo.

O jogo seguia num ritmo muito tranquilo e a Académica nunca conseguiu verdadeiramente sacudir a pressão e o domínio vizelense, nem depois de o seu treinador ter mexido na equipa pela primeira vez. Faltava intensidade, precisamente a intensidade que o Vizela mostrava em cada lance, o que lhe permitia ter praticamente sempre bola. Seria com naturalidade que se esperariam mais golos, mas até foi preciso um autogolo na sequência de uma bola parada, já aos 40′, para aumentar o resultado. Adeyemo rematou, Bernardo Santos defendeu contra um colega, que involuntariamente fez golo na própria baliza.

Qualquer efeito que o intervalo pudesse vir a surtir terminou aos 48′, altura em que Hassan mata de vez qualquer esperança academista. Lançado em profundidade por João Ricardo, Hassan desvia do guarda-redes e aumento. O resto do jogo não tem grande história além da repetida. O líder do apuramento para a Taça Revelação mandou até ao fim, rodou até com alguns jogadores menos utilizados, fez o 5-0 novamente por Hassan após assistência brilhante de Jota e podia ter feito mais.

A equipa sacudiu então a crise de resultados e, a três jornadas do fim desta fase, consolida a liderança e coloca pressão em cima dos perseguidores que só amanhã entram em campo.

FICHA TÉCNICA

FC Vizela 5-0 Académica

Local: Estádio do CD Aves

Árbitro: Vítor Lopes (AF Viana do Castelo)

Assistentes: João Freitas e Afonso Barbosa

FC Vizela (4x3x3): Manuel Baldé; Hugo Oliveira, David Martins (Maio 82′), Adeyemo (Jota 62′), Maviram; Mohammed, Sérgio Meireles (Maga 74′), Rúben Amaral; João Ricardo (Mosquera 82′), Hassan, Ventura (Calvin 62′)

Suplentes não utilizados: Mosca, Wilson, Pedro Marques

Treinador: Nuno Braga

Académica: Bernardo Santos; João Tiago, Matheus Palmerio, Nathan (Gonçalo Almeida 33′), João Simões, Carlos Silva (Gabriel Diniz 78′), Vasco Gomes, Vagarinho (Pablo Veloso 33′), Ivan Pavlic, Rui Reis (Weverton 58′), Luca Cifarelli (Ricardo Ferreira 78′)

Suplentes não utilizados: Pedro Santos, Hugo Costa, Diogo Costa, Eamon

Treinador: Miguel Carvalho

Golos: 1-0 João Ricardo (7′), 2-0 Ventura (14′), 3-0 AG (40′), 4-0 Hassan (48′) , 5-0 Hassan (71′)

Cartões Amarelos: Nada a assinalar

Cartões Vermelhos: Nada a assinalar